Vaticano: Papa pede atitude de «misericórdia» que rejeite «preconceito» na relação com os outros

Cidade do Vaticano, 23 mar 2014 (Ecclesia) – O Papa Francisco disse hoje no Vaticano que os cristãos devem ter uma atitude de “misericórdia” para com todas as pessoas, evitando o julgamento do “preconceito” e seguindo o exemplo de Jesus.

“A misericórdia é maior do que o preconceito, devemos aprender bem isto”, declarou, perante dezenas de milhares de pessoas reunidas na Praça de São Pedro, para a recitação do ângelus.

Francisco apresentou um comentário ao encontro de Jesus com uma mulher da Samaria, relatado pelo Evangelho de São João.

Segundo o Papa, a atitude de Jesus “supera as barreiras da hostilidade entre judeus e samaritanos e rompe os esquemas do preconceito perante as mulheres”.

“Cada encontro com Jesus muda a nossa vida, cada encontro com Jesus enche-nos de alegria”, declarou.

Francisco destacou que, segundo os “esquemas sociais” do tempo de Jesus, este não se deveria ter aproximado da samaritana, “nem sequer ter-lhe dirigido a palavra”.

“O Evangelho diz que os discípulos ficaram espantados pelo seu mestre falar com aquela mulher, mas o Senhor é maior do que os preconceitos, por isso não teve medo de encontrar-se com a Samaritana”, precisou.

Após a oração, o Papa aludiu à celebração, esta segunda-feira, do Dia Mundial da Tuberculose: “Rezemos por todas as pessoas atingidas por esta doença e por quantos os apoiam, de vários modos”.

Francisco apresentou ainda a celebração das ’24 horas pelo Senhor’, que vai decorrer entre sexta-feira e sábado e na qual vai confessar algumas pessoas, no Vaticano.

A iniciativa vai começar na Basílica de São Pedro e continuará, durante a noite, nalgumas igrejas do centro de Roma, que vão permanecer abertas para momentos de oração e Confissões.

“Será, podemos chamá-la assim, a festa do perdão, que terá lugar em muitas dioceses e paróquias do mundo”, adiantou.

“O perdão que o Senhor nos dá deve festejar-se, como fez o pai da parábola do Filho Pródigo”, concluiu o Papa.

Anúncios

LEIA ANTES: os comentários devem ser respeitosos e relacionados estritamente ao assunto do post. Toda polêmica desnecessária será prontamente banida. Todos os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam, de maneira alguma, a posição de "Kerigma, A Proclamação da Palavra". Não serão aprovados os comentários escritos integralmente em letras maiúsculas. A edição deste blog se reserva o direito de excluir qualquer comentário que julgar oportuno, sem demais explicações. O espaço para comentários é encerrado automaticamente após quinze dias de publicação do post.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s