Ser humano é viver o crucificado

Doces amigos, a paz de Maria! Nunca se fez tão alegre o meu peito como nestes dias, uma vez que minha alma se inclina a pensar nas maravilhas que o meu Deus pôs em minha vida, sou feliz. Magnânimo é saber que nosso Deus nos ama infinitamente e nos quis ao seu lado, mudou o conceito de humanidade para que a humanidade estivesse ao seu lado.

Caríssimos, certo é que outrora éramos vistos como perversão e maldade, sim, a humanidade era tida como algo perverso. Falar em humanidade ainda continua a ser um sinal de fraqueza, faço-me mais claro, ser humano ainda é tido como um sinal de fragilidade e de algo que está susceptível a pecados. Porém, a figura do crucificado mudou essa realidade, não é sinal de fraqueza ser humano, e sim sinal de bravura e pureza.

Ainda insistem em dizer que por sermos humanos o erro bate à nossa porta, porém não, agora somos convidados a viver uma vida sublime. Àqueles que vivem a perversão se afastam da essência humana resgatada por Cristo, somos criaturas do amor, feitas pelo amo, do amor e para o amor. Abram os vossos olhos e vejam.

É de se dizer mais, Jesus, como sendo aquele é e sem o qual nada existe, quis cumular em si, para que também exista, tanto a humanidade como a divindade e, por isso, a humanidade é existente. Como sabemos fora de Cristo nada existe, tudo é ilusão, Deus Pai enviou seu filho para que a humanidade saísse do abismo do nada onde dantes se encontrava, para isso era necessário que o filho se tornasse humano e fizesse que nele a humanidade existisse, e com o seu sangue todo essa história fora remida.

Enfim, ser humano é viver o crucificado, o conceito de humanidade é Cristo. Se é humano é cristo.

 

Via A caminho da Santidade

Anúncios

LEIA ANTES: os comentários devem ser respeitosos e relacionados estritamente ao assunto do post. Toda polêmica desnecessária será prontamente banida. Todos os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam, de maneira alguma, a posição de "Kerigma, A Proclamação da Palavra". Não serão aprovados os comentários escritos integralmente em letras maiúsculas. A edição deste blog se reserva o direito de excluir qualquer comentário que julgar oportuno, sem demais explicações. O espaço para comentários é encerrado automaticamente após quinze dias de publicação do post.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s