São Rafael Arcanjo, um amigo dos jovens

Queridos jovens,
Vocês sabiam que um dos males que impede nosso crescimento espiritual como cristãos católicos é a ignorância?

Ela não deixa que o Espírito de Deus atue em nós, que Ele faça em nós sua obra de transformação. E um meio para vencer a ignorância é ler a palavra de Deus. O livro que recomendo incansavelmente a todos os jovens é o livro de Tobias, um romance bíblico que contém muitos ensinamentos valiosos, que precisam ser descobertos.

Neste livro aparece um Anjo que somente no final revela seu nome: Eu sou Rafael, que significa “Deus cura” ou “medicina de Deus”. De fato, foi através dele que Deus curou a Tobit, homem fiel ao verdadeiro Deus, que ficando cego, chorava e rezava a Deus cheio de aflição. No mesmo dia uma jovem chamada Sara, acusada falsamente, sofria imensamente e nesta sua aflição também orava a Deus.

Na glória de Deus a oração de ambos foi escutada, por isso São Rafael foi enviado por Deus para uma missão especial: curar a Tobit e ajudar a jovem Sara na sua vocação matrimonial. Nesta missão aparece outro jovem, Tobias, filho de Tobit, que designado pelo seu pai a viajar a um país estranho recebeu muitos bons conselhos que para vocês serão de grande ajuda. Convido-lhes que leiam: Tobias 4, 5-21 e descubram quão valiosos são.

Mas Tobias não podia viajar sozinho, pois era jovem e era muito perigoso. Ele precisava de alguém de confiança para acompanhar-lo. E saindo Tobias encontrou um jovem de belo aspecto. Era Rafael, mas não sabia que era um Anjo de Deus, porque tinha aparência de homem.

Este era o “homem” de confiança que o pai desejava, e de fato foi ele que protegeu seu filho dos muitos perigos nesta viagem.

E nós que também estamos de viagem nesta terra rumo ao céu, quantos perigos no corpo e na alma enfrentamos? Diante de provas inesperadas, dos ataques do tentador, o que devemos fazer? O mesmo o que fez Tobias: recorrer, desde o íntimo do nosso coração, ao grande protetor dos que se acham em perigo: São Rafael, socorrei-me, porque me vejo em perigo! Bem, como podemos recorrer ao nosso Anjo da guarda, nosso amigo invisível, nosso companheiro sincero, nosso irmão maior sempre pronto, que dia e noite está do nosso lado?

Sejamos obedientes ao guia celeste da juventude e escutemos sua voz, pois Deus mandou aos seus Anjos que te guardem em todos os teus caminhos (Salmo 91).

Que nunca possamos esquecer-nos dessa ajuda celestial que o Senhor nos envia. O Senhor enviou-me para curar-te e livrar do demônio Sara, mulher do teu filho. Eu sou o anjo Rafael, um dos sete que assistimos na presença do Senhor (Tb 12, 14-15).

Dizia o Cardeal Charles Journet que: Os Anjos revelam-se, mas somente àqueles que os amam e invocam. Amemos e invoquemos mais os Anjos de Deus, pois Deus na sua providência nunca deixa seus filhos desamparados.

Rezemos: São Rafael, Anjo padroeiro da juventude, te peço invocar a DEUS por mim, para que sempre guarde minha vida pura e santa. Assim como guardaste ao jovem Tobias dos perigos de alma e corpo em sua viagem até um país estranho, protegei-me dos perigos de minha vida. Fortalecei-me contra as tentações do mundo, da carne e do demônio. Peço-te e invoco, glorioso São Rafael, para que sejas meu Anjo padroeiro da pureza. Pelo teu grande amor a JESUS, Rei dos Anjos, e a Maria, Rainha dos Anjos, guardai-me de toda impureza e ajudai-me a manter minha mente sem mancha, meu coração puro e meu corpo casto. Que receba eu o “PÃO dos Anjos” frequentemente na Santa Comunhão, que seja um remédio efetivo e proteção contra as tentações e sele meu coração para sempre contra as sugestões de prazeres pecaminosos. Ajudai-me sempre a servir a JESUS, meu Senhor e a Maria, minha mãe em castidade perfeita, para que um dia possa merecer estar entre aqueles de quem JESUS dizia: Bem-aventurados os de coração puros, porque verão a DEUS. Amém.

Por Pe. Daniel Alves, ORC 

Via Jovens Conectados

Anúncios

LEIA ANTES: os comentários devem ser respeitosos e relacionados estritamente ao assunto do post. Toda polêmica desnecessária será prontamente banida. Todos os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam, de maneira alguma, a posição de "Kerigma, A Proclamação da Palavra". Não serão aprovados os comentários escritos integralmente em letras maiúsculas. A edição deste blog se reserva o direito de excluir qualquer comentário que julgar oportuno, sem demais explicações. O espaço para comentários é encerrado automaticamente após quinze dias de publicação do post.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s